Trader Bitcoin: Tudo que Você Precisa Saber pra Começar
Tudo que você precisa Saber

Trader Bitcoin: Tudo que Você Precisa Saber pra Começar

O Bitcoin é uma moeda digital que foi criada em 2009 por um programador com o pseudônimo de Satoshi Nakamoto, nela não há interferência de bancos ou governos para determinar seu valor ou quantidade, ou seja, é uma moeda descentralizada, que pode ser comprada e guardada esperando sua valorização ou quem sabe você pode se tornar um trader bitcoin.

Não há Bitcoins físicos, você não pode carregar as moedas nos bolsos, ela existe somente no mundo virtual e hoje em dia já é aceita em muitos estabelecimentos como forma de pagamento.

Imagine uma forma de realizar transações financeiras com um custo irrisório e de forma totalmente virtual e rápida, essa é a finalidade do BITCOIN e da maioria das criptomoedas já criadas, tema que iremos abordar neste artigo.

Como funciona o Bitcoin

O Bitcoin funciona de forma totalmente virtual em uma rede de dados Ponto a Ponto (P2P), onde cada computador conectado a rede funciona como cliente e servidor, não tendo assim um “BANCO CENTRAL”. Uma pequena parte de todas as transações realizadas fica armazenada em cada máquina conectada a essa rede.

As transações com Bitcoins são formadas por blocos interligados que são criados a cada 10 minutos e dependem do poder computacional das máquinas ligadas a rede para a resolução das equações criadas nesse bloco. Computadores com alto poder de processamento tentam resolver complexas equações criptografadas, o que resolver primeiro, ganha bitcoins.

O que é “minerar bitcoins”

Teoricamente qualquer pessoa com um computador e internet pode “minerar” bitcoins, porém isso se tornou completamente inviável desde que o interesse pela moeda aumentou e foram criadas as “farms de mineração”. Essas “farms” são criadas por empresas especializadas em mineração de criptomoedas e possuem um poder computacional extremamente grande, tornando assim minerar bitcoins do seu computador pessoal uma tarefa sem lucro algum.

Quem quiser “minerar”, pode usar os serviços dessas empresas investindo uma certa quantia em dinheiro com o qual se compra poder de mineração e o pagamento vem em forma de bitcoin ou de outra criptomoeda que estiver minerando, é a chamada “Mineração na Nuvem”. As principais mineradoras são:

Genesis Mining

Principal mineradora de moedas digitais do mundo, tem auto poder computacional e é considerada a empresa com maior credibilidade entre os usuários desse tipo de serviço, embora o ROI (retorno sobre investimento) seja mais baixo, clique no link abaixo e acesse o site da empresa.

https://www.genesis-mining.com

Hashflare

Outra mineradora com grande poder computacional e uma das mais famosas e confiáveis do mercado. O que atrai muitos usuários para essa empresa são as promoções lançadas de pacotes de mineração por preços bem abaixo do usual.

https://hashflare.io/

Existem diversas outras empresas que mineram moedas digitais das quais qualquer pessoa pode fazer parte, apesar da mineração não estar sendo lucrativa como no inicio desta atividade.

Como Comprar Bitcoin

 

Se minerar bitcoins tem se tornado bem difícil, a alternativa é comprá-los. Para fazer isso devemos nos cadastrar nas “Exchanges” (corretoras) transferir o valor desejado para elas e comprar suas bitcoins, é um processo bem simples. Atualmente temos algumas exchanges brasileiras que fazem isso de maneira segura, alguns exemplos são:

– Mercado Bitcoin
– Negocie Coins;
– Foxbit
– Walltime

 A Grande Valorização do Bitcoin

No ano passado o bitcoin saiu de $ 1000,00 para incríveis $ 20000,00 no final do ano, o que tornou a moeda um “investimento” bastante interessante. Muitos se tornaram milionários do dia pra noite. A explicação para isso se deve a grande procura de opções de investimento sem interferência de bancos e governos, e também a grande fama que as moedas digitais ganharam por apresentarem uma lucratividade muito alta nos últimos meses.

Como Operar Bitcoins

As moedas digitais são altamente voláteis, e exchanges como a Binance dão a possibilidade de operar como se estivéssemos operando Dólar aqui no Brasil.

Pode se entrar “vendido” ou entrar “comprado”, termos bem conhecidos no mundo do Day Trade. Para isso, basta ter “limite” ou “crédito” na corretora.

Para se ter esse “limite”, devemos comprar bitcoins ou outra moeda digital em uma Exchange, de preferência as mais conhecidas e recomendadas. Assim que a compra for efetuada, podemos transferir o saldo em bitcoin para qualquer Exchange no mundo todo em uma operação bem simples de ser feita e totalmente digital.

Assim que o saldo cair na corretora, podemos operar ela mesma, trocar por outras moedas, ou fazer o que chamam e “Hold”, que são investimentos a longo prazo.

Vale mencionar que não há taxas exorbitantes para operações como as de swing trade, que são comuns na bolsa brasileira e cobra-se um valor bem elevado pra isso.

Para se transferir o saldo de suas operações, caso tenha tido lucro, basta transferir a moeda para uma exchage brasileira, vende-la e transferir o dinheiro para sua conta cadastrada na corretora. Claro que fazendo isso, dependendo do valor da operação, irá incidir impostos, muita atenção com isso para não ser pego pela receita federal.

O que são WALLETS

No mundo das moedas digitais é comum se noticiar o ataque de rackers a empresas de mineração ou a corretoras, algumas delas até encerraram suas atividades pelo fato  de terem sido roubadas em ataques cibernéticos. Para se ter segurança em seus investimentos deve se ter as chamadas WALLETS.

Wallets são dispositivos físicos ou virtuais  onde se guardam as moedas que você adquiriu. Para explicar melhor, antes vamos explicar como uma operação é feita.

Quando se compra qualquer moeda digital é gerado um código que é único, nele contém todos os dados sobre a posse  da moeda. Para transferir para sua carteira e manter sua moedas seguras, basta ir na corretora/Exchange, solicitar a transferência para sua carteira e pronto, suas moedas estão mais protegidas de ataques virtuais. Sem as wallets não conseguimos receber, gastar ou armazenar as moedas que compramos.

Há vários tipos de carteiras, MÓVEL, DESKTOP, HARDWARE, ONLINE e até de PAPEL. Alguns exemplos são:

CARTEIRAS MÓVEIS

MyCellium, Breadwallet, Greenaddress e Bitcoinwallet

CARTEIRAS DESKTOP

Bitcoin Core, Electrum, mSIGNA e BitGo

CARTEIRAS HARDWARE

Trezor, Ledger Nano

CARTEIRA ONLINE

Xapo, Coinapult, Coinbase, Circle, Blockchain

CARTEIRAS DE PAPEL

BitcoinPaperWallet.com, Blockchain

Os Riscos de Operar Bitcoins

Em resumo, o mercado de moedas digitais é algo muito novo no mundo dos negócios. Foi criado com a intenção de descentralizar operações antes monopolizadas por bancos e governos. Antes de investir suas economias devemos nos informar sobre todo o histórico da moeda e qual a sua finalidade. Todo investimento envolvendo dinheiro envolve muitos riscos e no mundo das moedas digitais não é diferente, então nossa recomendação é que estude a fundo antes de começar e tenha total responsabilidade em tudo o que for fazer.

Rafael Iasi

Rafael Iasi é o idealizador do site Day Trader Pro. Atua no mercado como day trader independente desde 2013 e é um dos pioneiros na difusão da moderna analise de fluxo de ordens no Brasil. Desde meados de 2015 vem colaborando, através de artigos, vídeos e cursos, na formação de milhares de outros day traders que acompanham o site, canal do youtube e mídias sociais da Day Trader Pro.
Fechar Menu